Blog rbrito


Mau Humor FC 76!

O blog rbrito já debateu com vocês, torcedores-internautas, questões como a falta de fair-play, o comportamento explosivo dos jogadores e até a falta de opinião própria como nos casos de comemorações de gols, cores das chuteiras e penteados. Vamos manter esta linha, neste domingo, na seção Mau Humor FC 76.

Mais no blog rbrito:
A desnecessária festa da Copa do Mundo e a marcha contra Ricardo Teixeira!


Os jogadores brasileiros, não generalizo, mas a grande maioria não tem cérebro, educação, cultura e ainda gosta de se passar por cretino. Não pense que estou pegando pesado demais. Esta é a realidade! Hoje em dia, cada vez mais cedo, veja se pode, eles se orgulham de serem mimados, rebeldes e até de peitarem adversários e árbitros.

Isso fica visível nas pequenas atitudes durante os 90 minutos. E ninguém fala nada! A imprensa acha normal! Os técnicos não puxam a orelha destes jogadores! Alguns torcedores até gostam! Quantos de vocês, torcedores-internautas, já cansaram de ver jogador simulando falta?

E quantos de vocês já viram jogadores reclamando de faltas, mesmo sabendo que cometeram? Hoje em dia reclama-se até de lateral. Mesmo se o jogador deu um bicão para fora, ele é cara de pau a ponto de pleitear a posse de bola. O fair-play vai muito além de devolver a bola para o adversário.

Quantos de vocês acostumaram com jogadores que se recusam a respeitar o árbitro e “fogem” do cartão amarelo e, principalmente, do vermelho? Eles simplesmente dão as costas para a autoridade máxima da partida. Se você acha isso do jogo e até normal, fique sabendo que não é!

Todas estas “pequenas” atitudes resultam em voadoras nos companheiros de profissão, como fez o goleiro do Sport no jogador do Vasco. E olha que era uma competição de garotos. E o atacante Rildo, do Vitória, que tentou, sem sucesso, dar um pontapé no árbitro Cláudio Francisco Lima-SE?

Chega! Já passou da hora de enquadrar estes maus elementos. Se esse pessoal ainda não é bandido, tem tudo para estar atrás das grades. Ao invés de ficar com picuinhas na fase final do Brasileirão, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) deveria agir com rigor e atuar de forma correta. Este é o papel do STJD. Mas esperar o que daqueles que só querem aparecer na mídia?

Deixe o mau humor falar por você neste domingo! Critique! Proteste! Opine aqui no blog rbrito ou através do twitter (@rbrito1984)



 Escrito por rbrito às 00h09 [] [envie esta mensagem] []






Faaala 35!

Um pouco mais tarde do que o normal, a seção “Faaala”, do blog rbrito, chega com tudo neste sábado. Na verdade, o blog rbrito queria se desculpar por estes últimos dias. Eu precisei ir para São Paulo na quinta-feira e, como tive alguns ‘freelas’, fiquei sem tempo para atualizar o blog na quinta. Na sexta ainda consegui mandar ao ar o post sobre a Série D do Campeonato Brasileiro (Veja o post aqui!). Mas agora está tudo normal.

Mais no blog rbrito:
Pressão, voadora, repórter desinformado e muitos outros assuntos do mundo da bola!


Neste sábado teremos a polêmica declaração de um jornalista sessentão. A filosofia dos novos treinadores nas Séries A e B também se faz presente, assim com a meta do brucutu Felipe Melo e o alívio dos corintianos.

Ajude a fazer o blog rbrito! Mande sugestões de posts! Opine pelo próprio blog rbrito ou através do www.twitter.com/rbrito1984

Aprecie sem moderação as principais declarações da semana:


ADEUS, MANO!

"Eu disse que ele (Mano Menezes) é um piloto de ultraleve conduzindo um boeing. (...) O Brasil ganha a Copa de 2014 com qualquer grupo de 23, com qualquer técnico e qualquer time de 11. Vai ganhar na marra como a Argentina em 78 e a Inglaterra em 66 ou na bola como nós ganhamos nossas Copas todas", Milton Neves, apresentador da TV e rádio Bandeirantes, que completa 60 anos neste sábado e é contrário a permanência de Mano Menezes no comando da Seleção Brasileira.

#QUEFASE!
“Se eu não confiasse, eu não viria. O desafio é grande, um dos maiores da minha carreira. O América está em último, mas se está na Série A é porque merece estar lá. Espero que, a partir de hoje, pela conversa que tive com o grupo, nós iniciemos essa reação", Givanildo Oliveira, novo técnico do América-MG, que substituiu Antônio Lopes e viu de camarote a derrota do Coelho para o Corinthians, por 2 a 1.

PÉ DIREITO!
“Estamos em uma colocação adequada. Ainda tem bastante competição pela frente e sei que posso efetuar meu trabalho”, Estevam Soares, novo técnico do Barueri, que substituiu Sérgio Soares e estreou com vitória.

PRECOCE!

"Independentemente do meu trabalho, temos que olhar sempre para o horizonte e não vamos mirar menos que o título", Celso Roth, novo-velho técnico do Grêmio, que substituiu o desconhecido Julinho Camargo e esqueceu que o Tricolor briga contra o rebaixamento.

NOVELA!

"Vocês já sabem a posição do clube, têm a notícia, não precisam ligar. Mas o Corinthians tem interesse no jogador", Duílio Monteiro Alves, diretor adjunto do Corinthians, e a interminável novela sobre Paulo Henrique Ganso.

SEM CASA!
"Está confirmado. A possibilidade de arrecadação lá é muito maior, com 46 mil pagantes. Tínhamos também como opções Rio Preto e Ribeirão Preto. Mas, em Presidente Prudente, a despesa é muito menor. A cidade dá hotel, ônibus, ambulância...", Sérgio do Brado, diretor administrativo do Palmeiras, que tirou o clássico contra o Corinthians da "casa" do rival (Pacaembu) e mandou para o interior.

FRANGOU...

"Em função do momento, da pressão, das exigências, o Danilo é o goleiro. A gente tem que dar um tempo. O Renan não teve o tempo ideal para poder trabalhar e se habituar ao Corinthians, para poder entrar na equipe em função da contusão do Julio Cesar", Tite, técnico do Corinthians, que não gostou dos gols tomados de Renan e aceitou a "sugestão" de torcedores, dirigentes, imprensa...

SEM PRESSÃO!

"Sou pai de família, não marginal. Preciso de segurança para viver tranquilo no Rio. Não tem nada definido. Tenho contrato de mais cinco anos, mas tenho que ter garantias. (...) Hoje, minha ideia é sair", Fred, atacante do Fluminense, que precisou fugir de torcedores irados após ser flagrado na noite carioca.

NÃOOOOOOOOO!
"Nunca questionaram minha qualidade, mas sim se eu seria expulso. Já tive um crescimento grande na parte de disciplina, não podem contestar meus números no Juventus. A Seleção para mim é uma meta e eu trabalho todo dia pensando na Seleção. As entrevistas do Mano me deixam tranquilo, pois ele nunca fechou as portas para os jogadores", Felipe Melo, volante do Galatasaray-TUR, deixando o torcedor brasileiro de cabelo em pé.

TÁ GANHANDO, NÉ?

"O Renato deu a confiança para nós. Não é que os outros treinadores não passavam, mas o time estava meio caidinho. O Renato chegou e deu motivação. O trabalho dele é diferenciado, ele entende os jogadores, porque ele também já jogou. Então, deu uma cara diferente para o Atlético, Paulinho, lateral-esquerdo do Atlético-PR, satisfeito com os ensinamentos do boleirão Renato Gaúcho.



 Escrito por rbrito às 13h11 [] [envie esta mensagem] []






Ao lado do inferno!

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) até deu uma complicada no regulamento da Série C do Campeonato Brasileiro. Sem novas ideias, porém, resolveu fazer o ‘basicão’ na Série D. Ao todo, 40 clubes lutam pelas quatro vagas do acesso. Nesta sexta-feira, o blog rbrito desvendará os mistérios da última divisão nacional.

Mais no blog rbrito:
Subsolo do Brasileirão – a briga pelo acesso na Série C!


Na primeira fase, os 40 clubes estão divididos em oito grupos com cinco clubes cada. Apenas os dois primeiros colocados de cada grupo se classificam. A partir da segunda fase, há o enfrentamento dos times no sistema de mata-mata (jogos de ida e volta). Os quatro melhores conseguem o acesso e os dois melhores ainda disputam o título da Série D. Nas únicas duas edições disputadas até agora, o São Raimundo-PA ficou com o título na temporada 2009 e o Guarany-CE faturou a taça no ano passado.

A quarta rodada, que será disputada neste sábado e domingo, prevê muitos jogos entre clubes do mesmo Estado. Os grupos foram divididos de forma regional na primeira fase. Assim teremos seis “clássicos” nesta rodada. Destaque para o embate entre Independente-PA x São Raimundo-PA. O primeiro foi campeão inédito do Estadual Paraense, enquanto que o São Raimundo lutou contra a degola.

Vice-campeão Potiguar, o Santa Cruz-RN também deverá fazer um bom jogo contra o Alecrim-RN. O mesmo acontecerá no duelo entre Anapolina-GO x Itumbiara-GO. Ainda teremos as partidas regionais de: Volta Redonda-RJ x Audax-RJ, Oeste-SP x Mirassol-SP e Cruzeiro-RS x Juventude-RS.

Donos da Série D!
Passadas três rodadas, apenas quatro clubes ainda ostentam 100% de aproveitamento. Treze-PB e Metropolitano-SC têm campanhas idênticas e são os melhores clubes da Série D. A dupla soma seis pontos, marcou quatro gols e sofreu apenas um. Além de paraibanos e catarinenses, Coruripe-AL e Villa-MG também estão com campanhas impecáveis.

Dono da melhor média de público entre os 100 clubes das Séries A, B, C e D do Brasileirão (Veja o post aqui!), o Santa Cruz faz campanha modesta, mas até agora atingiu seu objetivo. O Tricolor lidera o Grupo 3, com cinco pontos. Em três jogos, porém, o time só venceu um e empatou dois.

Junto com o quarteto 100% e o Santa Cruz, a Série D tem outros clubes invictos como: Plácio de Castro-AC, Vila Aurora-MT, Tupi-MG, Anapolina-GO, Gama-DF, Audax-RJ, CENE-MS, Oeste-SP e Cianorte-PR. Mas nem todos os clubes animam seus torcedores. Alguns preferem dar dor de cabeça a sua torcida.

Que desastre!

O São Raimundo, por exemplo, é um time tradicional do Pará e já esteve em séries melhores, mas atualmente patina feio na classificação. O Tufão, que mais parece um ventinho, não obteve nenhum ponto. São duas derrotas em dois jogos. Bicampeão Sergipano, o River Plate pegou a síndrome do xará argentino.

O time de Sergipe está zerado no Grupo 4, assim como o Vitória da Conquista-BA. O Itumbiara-GO já trocou de técnico, mas também não se encontrou - dois jogos e duas derrotas. Enquanto isso, o Cruzeiro-RS, que deu trabalho a Grêmio e Internacional no Gauchão, segura a lanterna do Grupo 8 e sem pontuar.

Vila Aurora, Nacional-AM, Porto-PE, Gama, Volta Redonda-RJ, São Mateus-ES, Cerâmica-RS, Operário-PR e Brusque-SC são os outros clubes que seguem sem vencer. Aliás, se vocês repararam bem, Vila Aurora e Gama estão nos dois grupos: aqueles dos sem derrotas e também dos sem vitórias. Dois empates em dois jogos.

É campeão!
Cuiabá-MT, Sampaio Corrêa-MA, Bahia de Feira-BA, Treze-PB, River Plate-SE, São Mateus-ES e CENE-MS chegaram com moral para a disputa da Série D. Todos estes clubes foram campeões em seus Estados. Com exceção de São Mateus e River Plate, o restante dos clubes manteve o bom futebol apresentado nos jogos regionais.

Todos estes clubes lideram ou estão na zona de classificação de seus grupos. Por outro lado, o River amarga a penúltima posição do Grupo 4 e o São Mateus é o lanterna do Grupo 6, com apenas um ponto em três jogos. A dupla precisará jogar muita bola para recuperar a confiança de seu torcedor.

Geral!

Em 48 jogos disputados, a Série D teve a rede balançada em 121 oportunidades. Média de 2,52 gols por partida - número superior a média da Série C (2,46). Os clubes mandantes já triunfaram 22 vezes, contra 14 dos visitantes. Ainda houve 12 empates.

Quais clubes vão brigar pelo acesso? Opine! Participe pelo blog rbrito ou através do twitter (@rbrito1984)

Confira os jogos da quarta rodada da Série D:

Grupo 1


Sábado
19h

Plácido de Castro-AC x Nacional-AM

Domingo
19h

Vila Aurora-MT x Penarol-AM

Grupo 2

Sábado
16h

Comercial-PI x Trem-AP

19h
Independente-PA x São Raimundo-PA

Grupo 3

Domingo
16h

Porto-PE x Guarani-CE

17h

Santa Cruz-RN x Alecrim-RN

Grupo 4

Sábado
20h

River Plate-SE x Treze-PB
Coruripe-AL x Bahia de Feira-BA

Grupo 5

Sábado
18h

Gama-DF x Tocantinópolis-TO

Domingo
16h

Anapolina-GO x Itumbiara-GO

Grupo 6

Sábado
16h

Villa Nova-MG x São Mateus-ES

Domingo
16h

Volta Redonda-RJ x Audax-RJ

Grupo 7

Sábado
18h30

Oeste-SP x Mirassol-SP

Domingo
15h

Cerâmica-RS x CENE-MS

Grupo 8

Sábado
15h

Cruzeiro-RS x Juventude-RS

Domingo
15h30

Metropolitano-SC x Cianorte-PR



 Escrito por rbrito às 00h17 [] [envie esta mensagem] []






É preciso acreditar...

O momento em que o quarto árbitro levanta a placa dos acréscimos pode causar apreensão em muitos torcedores, mas os apaixonados pelo Criciúma começam a gritar mais e já se preparam para o momento do gol. O blog rbrito notou um fenômeno interessante nos jogos do Tigre pelo Campeonato Brasileiro da Série B. Mais do que nunca é preciso acreditar até o apito final.

Mais no blog rbrito:
Descubra qual posição o Criciúma está no ranking de público pagante!


Vamos fazer um trabalho mental: divida uma partida de futebol e seus 90 minutos em quatro partes. Arredondando teríamos de 1 a 22 minutos e de 23 a 45 minutos. O mesmo se repete na segunda etapa. Quinto colocado, com 23 pontos e um jogo a mais que os rivais, o Criciúma se especializou em marcar gols no último quarto do jogo.

O fôlego extra do elenco do Tigre já foi observado na primeira rodada da Série B. Mesmo jogando no Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma, o time catarinense saiu perdendo, por 2 a 0, para o Guarani. Mas tudo mudou com a presença de Pirão, autor dos dois gols no empate, por 2 a 2. O jogador marcou aos 29 e aos 36 minutos do segundo tempo. Haja coração!

Outro ponto notado pelo blog rbrito, é que este fenômeno é apresentado principalmente na casa do Criciúma. A vitória, por 1 a 0, sobre o ASA-AL, resume muito bem este panorama. O gol saiu apenas aos 51 minutos da segunda etapa. Schwenck colocou a bola pra dentro. Enquanto isso, Zé Carlos foi mais companheiro dos torcedores e fez seu gol, na vitória, por 1 a 0, sobre o Bragantino, aos 32 minutos da segunda etapa.

A receita!
O fenômeno do fôlego extra voltou a atacar no Heriberto Hulse no triunfo, por 2 a 0, sobre o Goiás. Zé Carlos marcou os tentos aos 36 e 40 minutos da segunda etapa. É muita emoção e apreensão! Como se não bastasse, o Criciúma ainda ganhou do Americana, sempre em casa, por 1 a 0, com o gol de Doriva aos 48 minutos da segunda etapa.

O segredo do Criciúma é explícito. Quando joga em casa, o time “mata” seus adversários no final do segundo tempo. Pobre dos torcedores que precisam ter um coração resistente e uma paixão descomunal. Já quando os jogos são fora de casa, o Criciúma busca vencer seus adversários no final da primeira etapa, como vocês vão observar no texto abaixo.

Bom trabalho!

André Zaros (foto: http://www.criciumaesporteclube.com). Este é um dos responsáveis pela boa campanha do Criciúma. Não! Ele não é atacante! Muito menos goleiro, lateral, zagueiro, meio-campo ou treinador. André Zaros é o responsável pela preparação física do elenco catarinense.



Graduado em Educação Física pela Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP), em 1990, e Pós Graduado em Fisiologia do Exercício pela Escola Paulista de Medicina, em 2000, o preparador físico acredita que pode aumentar ainda mais o fôlego dos jogadores.

“O Criciúma Esporte Clube está numa crescente física. Isso mostra que podemos melhorar sempre, buscando superar nossos limites, melhorar cada vez mais nossa performance e poder usar tudo isso em beneficio próprio”, disse ele ao blog rbrito através da assessoria de imprensa do Tigre.

André Zaros também contou alguns segredos da preparação do Criciúma, assim como lida especificamente com cada um dos jogadores. “A preparação física tem sido de forma planejada e integrada com o trabalho técnico, sabemos que o campeonato é longo e que precisamos ter o máximo de atletas à disposição e no seu melhor estado físico. O grande barato da nossa preparação é que todos os atletas estão dispostos a fazer e serem os melhores, esse é o nosso segredo”.

“Bom cada atleta é específico, pois cada um tem um organismo com reações diferentes dentro de uma partida ou treinamento. O que fazemos é minimizar os efeitos desses desgastes, cuidando da alimentação, hidratação, descanso, suplementação para que cada atleta possa estar inteiro sempre e o mais rápido possível”, completou Zaros.

A boa preparação física do Criciúma também foi observada em outros momentos. Na vitória, por 2 a 1, sobre o Duque de Caxias, fora de casa, o time catarinense marcou seus gols aos 39 e 45 minutos da primeira etapa. O mesmo se observou no triunfo contra o Icasa, por 1 a 0, no Ceará. Zé Carlos balançou as redes aos 35 minutos da primeira etapa.

“Acredito que a preparação hoje em dia é fundamental e determinante, porque pode decidir uma partida, uma final. Determina modelos táticos e os atletas sabem que sem preparo físico fica impossível ter sucesso. O futebol do passado era mais romântico, mais cadenciado. O futebol praticado hoje é mais corrido, mais veloz, de muita marcação e de muita força e a preparação física ajudou muito nisso, pois está sempre em evolução, trazendo conceitos e maneiras novas de treinamentos, sempre buscando extrair o máximo de cada atleta”, finalizou André Zaros ao blog rbrito.

Antes do Criciúma, Zaros passou por Guarani-SP, Vitória-BA, Al Nasr (Emirados Árabes), Paulista-SP, Inter de Limeira-SP, Independente-SP e São Paulo (Categorias de Base). No currículo, o preparador físico tem os títulos da Série A2 Paulista (2001), da Série C do Brasileirão (2001) e da Copa do Brasil (2005) pelo Paulista e a conquista do Estadual Baiano pelo Vitória (2008).

Você acredita que o Criciúma conseguirá o acesso na Série B? Opine! Participe pelo blog rbrito ou através do twitter (@rbrito1984)

Confira todos os jogos e gols do Criciúma na Série B 2011:

Criciúma 2 x 2 Guarani
Gols: Pirão 29'/2T, Pirão 36'/2T

Duque de Caxias 1 x 2 Criciúma
Gols: Pedro Carmona 39'/1T, Schwenck 45'/1T

Criciúma 0 x 0 Náutico

Vila Nova 2 x 0 Criciúma

Criciúma 1 x 0 ASA
Gol: Schwenck 51'/2T

Criciúma 0 x 0 Boa Esporte

Sport 0 x 0 Criciúma

Criciúma 1 x 0 Bragantino
Gol: Zé Carlos 32'/2T

ABC 1 x 1 Criciúma
Gol: Schwenck 36seg/2T

Criciúma 2 x 0 Goiás
Gols: Zé Carlos 34'/2T, Zé Carlos 40'/2T

Salgueiro 2 x 1 Criciúma
Gol: Rogélio 2'/1T

Criciúma 1 x 2 Paraná
Gols: Zé Carlos 28'/1T

Icasa 0 x 1 Criciúma
Gol: Zé Carlos 35'/1T

Criciúma 1 x 0 Americana
Gols: Doriva 48'/2T

Portuguesa 2 x 0 Criciúma



 Escrito por rbrito às 18h47 [] [envie esta mensagem] []






Interatividade!

Toda semana, o blog rbrito, com números do torcedor-internauta Marcos Neves, tenta surpreender você com um post diferente sobre média de público pagante das Séries A, B, C e D do Campeonato Brasileiro. Este lema nunca deixará de ser seguido. Mas o blog rbrito também quer a sua colaboração, caro torcedor-internauta. Mande sugestões sobre quais clubes devem ser abordados ou por qual ângulo o post deverá ganhar destaque. Para participar, basta sugerir aqui mesmo ou através do twitter (@rbrito1984).

Mais no blog rbrito:
Ranking de público ganha novo líder com a chegada das Séries C e D do Brasileirão!


Mesmo com a vitória na última rodada sobre o Figueirense, o Bahia teve seu pior público. Apenas 14.820 pagantes compareceram ao estádio e contribuíram para o Tricolor perder mais uma posição no ranking geral. O Bahia caiu para o terceiro lugar, com média de 25.389 pagantes. Melhor para o Alvinegro de Parque São Jorge.

Líder do Brasileirão, o Corinthians também assumiu a ponta no ranking da Série A. No geral, o Timão, com média de 27.320 pagantes, ocupa a vice-liderança. O primeiro colocado ainda é o Santo Cruz, com média de 37.272. Enquanto isso, o Flamengo se recuperou e subiu alguns degraus. O time rubro-negro saiu da sétima para a quinta posição no geral - média de 16.604 pagantes.

Para escapar da mesmice, o blog rbrito optou por analisar o desempenho em campo e nas arquibancadas. A Portuguesa, por exemplo, lidera a Série B com folga, mas não empolga seu torcedor. A Lusa tem a sexta pior média da Série B. No geral, o time paulista, com média modesta de 2.124 pagantes, ocupa a 57ª colocação.

Poderia ser melhor...
Na Série C, Ipatinga e América-RN são os únicos clubes com 100% de aproveitamento (Veja o post completo aqui!). Mas a dupla também está em baixa nas arquibancadas. O Mecão, de torcida apaixonante, aparece no 45º lugar, com média de 3.455 pagantes - a nona melhor da Série C. O time de Natal perde até para o Marília, historicamente fraco fora das quatro linhas.

O Ipatinga é ainda mais "deprê". O time mineiro tem a sétima pior média de público da Terceirona. No 59º lugar no geral, o Ipatinga apresenta média de 1.766 pagantes - atrás de sete clubes da Série D. Falando na última divisão nacional, vamos a ela. Treze-PB, Coruripe-AL, Villa Nova-MG e Metropolitano-SC são os clubes que não perderam nenhum ponto na Série D.

8 ou 80!
Como de costume, o time paraibano agita sua torcida. Campeão Estadual, o Treze, com média de 6.102 pagantes, está no 32º lugar no geral e quarta posição no ranking da Série D. O Treze ainda supera Avaí e América-MG - os piores colocados na Série A.

Os outros três clubes, porém, não conciliam boa campanha com estádios cheios. O Metropolitano até aparece na frente de alguns clubes das Séries B e C, mas tem média modesta (920), na 68ª colocação. Oito posições abaixo está o Villa Nova e seus 616 pagantes. Situação complicada vive o Coruripe. O time alagoano tem a décima pior média de público do ranking geral. O Hulk, neste caso sem força, ostenta média de apenas 351 pagantes.

Madeeeeeeira!

O Duque de Caxias, pior clube da Série B - no campo e nas arquibancadas -, teve uma queda vertiginosa no ranking geral de público pagante. Como os clubes das Séries C e D disputaram, pelo menos, um jogo em casa, o time fluminense despencou da 80ª para a 94ª colocação. A média do Duque é de apenas 287 pagantes.

A lanterna geral também trocou de mão. O CENE-MS, com média de 238, pulou para o 97º lugar, enquanto que o Cerâmica-RS amarga a última colocação (177). O São Raimundo-PA é o penúltimo colocado (191). O Madureira, pior time da Série C, também se afundou. O time do Rio de Janeiro, com média de 387 pagantes, caiu da 77ª para a 89ª posição.

Só pagantes!

Os clubes do Rio de Janeiro, Pernambuco e Alagoas colocam os não pagantes nos borderôs e acabam levando vantagem no ranking das médias. O blog rbrito recusou esta artimanha e divulga apenas o público pagante.

Enquanto isso, o Ceará tem uma cota chamada de “cortesia”, pasmem, para os militares e autoridades. Estes ingressos, como NÃO foram pagos, ficaram de fora das estatísticas do blog rbrito. O mesmo acontece com o América-MG e sua distribuição de entradas para alguns setores.

Já nos borderôs da Ponte Preta há um item especificado como "VENDA PROIBIDA". São ingressos distribuídos pela diretoria a amigos, autoridades, clientes, "bicões". Estas entradas estão na soma de ingressos vendidos na CBF, mas não no ranking do blog rbrito.

IMPORTANTE!

Nesta luta por apresentar apenas os públicos pagantes, o blog rbrito constatou que o público apresentado no borderô dos jogos do Barueri não era o mesmo das arquibancadas. Assim como o São Bernardo, a diretoria do Barueri vende seus ingressos para empresas da cidade e estas repassam a seus funcionários.

Mas ao contrário do São Bernardo, os torcedores de Barueri não comparecem ao estádio. O blog rbrito fez um cálculo "maluco", polêmico ou controverso que poderia sintetizar melhor a situação das arquibancadas do Barueri.

Enquanto a assessoria do clube não responde as indagações feitas pelo blog rbrito, a gente pergunta: vocês, torcedores-internautas, nos autorizam a colocar em prática este cálculo para chegarmos o mais próximo possível do público real nos jogos do Barueri? Espero a opinião de vocês!

Legenda!

Neste ranking, os clubes da Série A estão representados pela cor amarela, enquanto que a cor cinza sinaliza os clubes da Série B. A Série C está em laranja e a Série D em azul claro. Já os números em vermelho ainda não foram confirmados pela CBF. O clássico entre Santos e Corinthians, pela quinta rodada, será realizado apenas no dia 10 de agosto.

Enquanto isso, o duelo entre Santos e Fluminense acontecerá no dia 24 de agosto. Já a partida entre Grêmio e Santos vai ocorrer no dia 5 de outubro. Pela Série B, o clássico entre Sport e Náutico será disputado no dia 9 de agosto.

Com o estádio interditado, o Oeste jogou sua primeira partida como mandante na cidade de Catanduva. Mas a pedido da Polícia Militar, que não tinha contingente para dar segurança ao jogo, o duelo foi disputado com os portões fechados.

Ajude a divulgar o blog rbrito! Só a gente acompanha rodada após rodada os públicos das Séries A, B, C e D do Brasileirão! Opine! Participe pelo próprio blog rbrito ou através do twitter (@rbrito1984)



 Escrito por rbrito às 00h01 [] [envie esta mensagem] []






Subsolo do Brasileirão!

O blog rbrito também está de olho nas Séries C e D do Campeonato Brasileiro. Como os jogos da próxima rodada serão apenas no sábado e domingo, o blog rbrito dará um panorama destas duas competições. Nesta terça-feira, a Série C ganhará destaque. Vamos descobrir quais são os melhores e os piores clubes, assim como o desempenho dos clubes tradicionais.

Há 20 clubes na luta pelo acesso à Série B. Estes clubes estão divididos em quatro grupos com cinco times cada. Os dois primeiros colocados de cada grupo se classificam à próxima fase. Já o último colocado de cada um dos grupos será rebaixado à Série C.

Na segunda fase, os oito clubes serão divididos em dois grupos. Os dois primeiros colocados de cada um destes grupos conquistarão o acesso à Série B. Os líderes de cada grupo ainda vão disputar o título da Terceirona.

Quem diria...
Rebaixado no Campeonato Mineiro, o Ipatinga, por incrível que pareça, é o melhor clube da Série C 2011. Com 100% de aproveitamento, o Tigre venceu seus dois jogos, marcou cinco gols e levou apenas um. O Ipatinga lidera o Grupo C, com seis pontos.

Além do time mineiro, o América-RN também ainda não perdeu nenhum ponto na competição. O time de Natal está no topo do Grupo B, com seis pontos. Mas o Mecão marcou "apenas" quatro gols e levou um. Assim perde no saldo de gols para o Ipatinga (4 a 3). Águia-PA, Paysandu-PA, Brasil-RS e Joinville-SC são outros clubes invictos na Série C.

Título e...
A Terceira Divisão Nacional conta com três campeões Estaduais (Rio Branco-AC, Brasiliense-DF e Chapecoense-SC). Deste trio, apenas o time do Acre patina na classificação. O Rio Branco ainda não venceu e ocupa a penúltima colocação do Grupo 1, com apenas um ponto em dois jogos. Situação bem diferente de Brasiliense e Chapecoense.

O time do Distrito Federal está na segunda colocação do Grupo C, com seis pontos em três jogos. O Brasiliense perde no saldo de gols para o líder Ipatinga (4 a 2). Já a Chapecoense somou menos pontos (quatro), mesmo assim lidera o Grupo D após três jogos. Esta dupla estaria classificada à próxima fase se a Série C terminasse hoje.

Lamentável!

Mas também tem um pessoal que brinca com a paixão do torcedor e consegue tropeçar na Série C. O Paysandu ficou sem o título Estadual e, até agora, está fora da zona de classificação. Time tradicional, o Papão ocupa o terceiro lugar no Grupo 1. O Fortaleza, por sua vez, consegue fazer pior.

Outro time que naufragou no primeiro semestre, o Tricolor ainda não venceu. Em dois jogos foram duas derrotas e a lanterna no Grupo B. O mesmo vale para o Caxias no Grupo D. O time do Rio Grande do Sul tem apenas um ponto em dois jogos disputados. Rio Branco, Araguaína-TO, Fortaleza, Macaé-RJ, Madureira-RJ e Caxias são os clubes que ainda não venceram.

Além de Ipatinga, o Araguaína-TO também foi rebaixado em seu Estadual. O mesmo aconteceu com o Santo André, lanterna do Paulistão 2011. Marília e Brasil-RS também não jogam a elite de seus campeonatos regionais.

Na rede!
A Luverdense tem o melhor ataque da Série C. Em três jogos, o time do Mato Grosso já balançou as redes sete vezes. Enquanto isso, o pior ataque é do Madureira, lanterna do Grupo C. O time do Rio de Janeiro ainda não marcou gols após dois jogos.

Já a melhor defesa está dividida entre Águia, Paysandu, América-RN, Ipatinga e Brasiliense. Todos levaram apenas um tento. Por fim, os clubes mais vazados são: Araguaína, Marília e Santo André. O trio sofreu seis gols cada.

Geral!
A Série C, até agora, teve 24 jogos e 59 gols marcados. Média de 2,46 por partida. Os clubes mandantes levam vantagem sobre os rivais visitantes. São 14 vitórias dos donos da casa, contra cinco triunfos dos visitantes e outros cinco empates.

Quais clubes vão brigar pelo acesso? Opine! Participe pelo blog rbrito ou através do twitter (@rbrito1984)

Confira os jogos da quarta rodada da Série C:

Grupo A
Domingo
16h

Paysandu x Águia

19h

Rio Branco x Araguaína

Grupo B
Sábado
15h15

América-RN x CRB

16h
Fortaleza x Guarany-CE

Grupo C
Sábado
15h

Madureira x Macaé

16h
Ipatinga x Brasiliense

Grupo D
Domingo
16h

Brasil x Caxias
Joinville x Santo André



 Escrito por rbrito às 17h36 [] [envie esta mensagem] []






Segundo passo...

No último domingo, a Segundona do Campeonato Paulista conheceu os 24 clubes classificados à próxima fase. Todos estes times estão divididos em seis grupos com quatro clubes cada. Após jogos dentro dos grupos de ida e volta, os dois melhores classificados de cada grupo dão mais um passo rumo ao acesso à Série A3.

Mais no blog rbrito:
Ranking da Segundona foi embalado pelo hit “Xibom Bombom”!


Para vocês terem um bom panorama da média de público pagante destes 24 clubes, o blog rbrito, nas próximas três semanas, irá analisar dois grupos por posts. Nesta terça-feira, serão os times dos Grupos 7 (Bandeirante, Guariba, Guaçuano e Capivariano) e 8 (Barretos, Cotia, ECUS e Palmeirinha). O torcedor-internauta Marcos Neves, como sempre, colaborou com o ranking.

O Guaçuano tem a melhor média de público entre os clubes dos Grupos 7 e 8. O time de Mogi Guaçu ocupa a terceira colocação, com média de 1.111 pagantes. Na última rodada da primeira fase, o Mandi levou 900 pagantes ao Camachão. Logo atrás está o Barretos - quarto colocado e média de 880 pagantes.

O Capivariano também não faz feio. Integrante do Grupo 7, o time aparece na oitava colocação, com média de 390 pagantes. Já o Bandeirante é o 14º colocado. Em seu último jogo em casa na primeira fase, o time de Birigui contou com a presença de 180 pagantes. A média do Bandeirante é de 264. Uma posição abaixo está o Cotia, com média de 259.

O Palmeirinha é o próximo da lista. O time de Porto Ferreira aparece na 17ª posição, com média de 212 pagantes. Se estes números não animam, vejam só Guariba e ECUS, os piores colocados nos Grupos 7 e 8. O Guariba está na modesta 21ª posição, com média de 183 pagantes. Na última rodada, o time conseguiu apoio de 182 pagantes. Por fim, o ECUS ocupa o 30º lugar, com média de apenas 111 pagantes. Seu último jogo em casa teve apenas 93 pagantes.

Apareceu!
O borderô do jogo entre Manthiqueira e Guarulhos, pela quinta rodada, está de volta ao site da FPF. Na oportunidade, 256 torcedores pagaram ingressos. Enquanto isso, no duelo entre São Judas e CAL Bariri, pela sexta rodada, houve W.O. O São Judas não compareceu a partida.

A Segundona ainda está com média bem modesta. Em 258 jogos, a competição conta com público total de 70.639 e média de apenas 274 pagantes.

Cadê?
O Brasilis disputou todos seus cinco jogos em casa sem a presença do torcedor. São Vicente, Atibaia e Guarujá realizaram três partidas com os portões fechados. Bandeirante e Tanabi duas, enquanto, Palmeirinha, CAL Bariri e Jaboticabal jogaram sem torcida apenas uma vez.

O duelo entre Palestra x Mauaense ainda não teve o borderô divulgado pela FPF. O blog rbrito entrou em contato com a Federação Paulista de Futebol para ter uma posição sobre a ausência deste borderô, mas até agora a entidade não deu sinal de vida. Estamos no aguardo. Qualquer novidade, o blog rbrito informará vocês, torcedores-internautas.

Ajude a divulgar a média de público e o blog rbrito! Participe! Opine pelo próprio blog rbrito ou através do twitter (@rbrito1984)

Confira os jogos da 1ª rodada da segunda fase:

Sexta-feira
19h30

Olímpia x Guarulhos

20 horas
EC São Bernardo x Jacareí

Sábado
15 horas

Capivariano x Bandeirante
Cotia x Palmeirinha
Guarujá x Independente
Primeira Camisa x Sumaré
Tupã x Desportivo Brasil

Domingo
10 horas

Guaçuano x Guariba
ECUS x Barretos
Fernandópolis x São Vicente
Brasilis x Portuguesa Santista

Confira os grupos da 2ª fase da Segundona 2011:

Grupo 7

Bandeirante
Guariba
Guaçuano
Capivariano

Grupo 8
Barretos
Palmeirinha
Cotia
ECUS

Grupo 9

Independente
Sumaré
Primeira Camisa
Guarujá

Grupo 10

Desportivo Brasil
Jacareí
EC São Bernardo
Tupã

Grupo 11
Guarulhos
São Vicente
Fernandópolis
Olímpia

Grupo 12

Portuguesa Santista
Votuporanguense
Olé Brasil
Brasilis



 Escrito por rbrito às 00h02 [] [envie esta mensagem] []






Cachorro louco!

O mês de agosto começou nesta segunda-feira e os dirigentes brasileiros enlouqueceram. Na verdade, eles apenas seguiram seus papeis medíocres e, novamente, se esconderam atrás dos treinadores. Ou seja, os dirigentes não assumiram sua incompetência e preferiram trocar de comando, como sempre acontece no futebol verde e amarelo. Mas o primeiro dia do mês de agosto, conhecido como mês do cachorro louco, superou as expectativas.

Sabendo que nem todos os sites “especializados” vão contar estas trocas de comando, o blog rbrito resolveu atualizar você, torcedor-internauta. Pelo twitter (@rbrito1984), o blog rbrito já contou a história de todas estas mudanças, mas como nem todos têm twitter, vale o registro por aqui mesmo.

Novo lanterna do Campeonato Brasileiro, após a derrota, por 3 a 1, para o Coritiba, o América-MG perdeu o experiente Antônio Lopes. A má campanha do Coelho ganhou um post do blog rbrito nesta segunda-feira (Leia tudo aqui!). No final da noite, a diretoria mineira confirmou o retorno do técnico Givanildo Oliveira. Ele já esteve no Coelho em 1997 e em 2009.

Ainda pela Série A, Atlético-GO e Internacional também segue com técnicos interinos. O time goiano tem em seu comando Jairo Araújo após a saída de Paulo César Gusmão. Enquanto isso, o Inter, que demitiu Paulo Roberto Falcão, ficou com Osmar Loss, mas está de olho em Abel Braga e Dorival Junior, técnicos de Fluminense e Atlético-MG, respectivamente.

Tudo novo!
A Série B também teve muitas novidades. Lanterna da Série B, o Duque de Caxias, outro que foi assunto no blog rbrito, contratou Paulo Campos para a vaga de Valdir Espinosa. O treinador havia deixado o clube fluminense no último domingo. Com passagens pelo Real Madrid-ESP, Seleções de Gana e Kuwait, Botafogo, Fluminense, entre outros, Paulo Campos terá a missão de dar a primeira vitória ao Duque de Caxias.

Enquanto isso, o Barueri escolheu um velho conhecido para voltar aos trilhos. Em queda livre na Série B, o clube paulista demitiu Sérgio Soares e acertou com Estevam Soares. Esta será a terceira passagem de Estevam Soares pelo clube da Grande São Paulo. Ele já esteve em Barueri nas temporadas de 2008 e 2009.

O Vitória, que também está perdido na Segundona, resolveu acertar com um treinador. Ricardo Silva vinha dirigindo o clube de forma interina desde a saída de Geninho. O novo comandante do Leão é Vágner Benazzi, ex-Bahia e Portuguesa. Benazzi é conhecido no interior de São Paulo pelos inúmeros acessos na carreira.

Para finalizar, no último domingo, o técnico Edison Só entregou o cargo a diretoria do Marília. Na Série C, o MAC, em três jogos, tem uma vitória, um empate e uma derrota. No final da tarde desta segunda-feira, a diretoria do MAC inovou e anunciou que Miranda, ex-jogador do clube e que estava trabalhando no Marília em função administrativa, e Tuca, técnico do São Paulo/Marília de futsal, serão os treinadores no restante da Série C. Isso mesmo, o clube paulista terá dois técnicos.

* Atualizado às 21h32

Mudar treinador ainda adianta? O que você achou destas mudanças? Opine! Participe pelo blog rbrito ou através do www.twitter.com/rbrito1984

Confira os técnicos das Séries A, B e C do Brasileirão:

SÉRIE A


América-MG - Givanildo Oliveira
Atlético-GO - Jairo Araújo (interino)
Atlético-MG - Dorival Junior
Atlético-PR - Renato Gaúcho
Avaí - Alexandre Gallo
Bahia - Renê Simões
Botafogo - Caio Junior
Ceará - Vágner Mancini
Corinthians - Tite
Coritiba - Marcelo Oliveira
Cruzeiro - Joel Santana
Figueirense - Jorginho
Flamengo - Vanderlei Luxemburgo
Fluminense - Abel Braga
Grêmio - Julinho Camargo
Internacional - Osmar Loss (interino)
Palmeiras - Luiz Felipe Scolari
Santos - Muricy Ramalho
São Paulo - Adilson Batista
Vasco - Ricardo Gomes

SÉRIE B

ABC-RN - Leandro Campos
Americana-SP - Toninho Cecílio
ASA-AL - Vica
Bragantino-SP - Marcelo Veiga
Criciúma-SC - Guto Ferreira
Duque de Caxias-RJ - Paulo Campos
Goiás-GO - Márcio Goiano
Grêmio Barueri-SP - Estevam Soares
Guarani-SP - Giba
Icasa-CE - Márcio Bittencourt
Ituiutaba-MG - Nedo Xavier
Náutico-PE - Waldemar Lemos
Paraná-PR - Roberto Fonseca
Ponte Preta-SP - Gilson Kleina
Portuguesa-SP - Jorginho
Salgueiro-PE - Neco
São Caetano-SP - Oswaldo Alvarez
Sport-PE - Mazola
Vila Nova-GO - Hélio dos Anjos
Vitória-BA - Vágner Benazzi

SÉRIE C


Águia-PA - João Galvão
América-RN - Flávio Araújo
Araguaína-TO - Léo Goiano
Brasil-RS - Beto Almeida
Brasiliense-DF - Marcos Soares
Campinense-PB - Maurício Simões
Caxias-RS - Guilherme Macúglia
Chapecoense-SC - Mauro Ovelha
CRB-AL - Flávio Lopes
Fortaleza-CE - Arthur Bernardes
Guarany-CE - Oliveira Canindé
Ipatinga-MG - Ney da Matta
Joinville-SC - Arturzinho
Luverdense-MT - Lisca
Macaé-RJ - Toninho Andrade
Madureira-RJ - Antonio Carlos Roy
Marília-SP - Miranda e Tuca
Paysandu-PA - Roberto Fernandes
Rio Branco-AC - Everton Goiano
Santo André-SP - Geime Rotta



 Escrito por rbrito às 17h54 [] [envie esta mensagem] []






Sem pilha!

Na última sexta-feira, o blog rbrito contou a história de Comercial, Corinthians, Criciúma, Guarani, Palmeiras e Atlético-PR (Veja o post aqui!) - clubes que perderam suas séries invictas ou acabaram com longos jejuns. Desta vez, o blog rbrito começará a semana com o foco direcionado a América-MG e Duque de Caxias – lanternas das Séries A e B do Campeonato Brasileiro, respectivamente.

Sem pilha e com o andar igual ao de uma tartaruga, o Coelho mineiro chegou a última colocação da Série A, neste domingo, com a derrota, por 3 a 1, para o Coritiba, em casa, e a vitória do Atlético-PR (então lanterna), por 3 a 2, sobre o Santos. O América tem aproveitamento de apenas 20,5%. Em 13 jogos, o time conquistou apenas oito pontos, com uma vitória, cinco empates e sete derrotas.

Aliás, o único e último triunfo do América aconteceu na longínqua primeira rodada, no dia 22 de maio. Naquela oportunidade, o time bateu o Bahia, por 2 a 1. De lá para cá, o América acumulou tropeços e despencou na classificação. Com tantos problemas, a diretoria mandou embora o técnico Mauro Fernandes, responsável pelo acesso em 2010, e contratou o calejado Antônio Lopes.

Mas na manhã desta segunda-feira, o experiente treinador, bicampeão Brasileiro com o Vasco, em 1997, e o Corinthians em 2005, pediu demissão do América. Para piorar, o lanterna, na próxima quarta-feira, enfrentará justamente o líder Timão, em pleno Estádio do Pacaembu, em São Paulo.

Apagado!

A situação do Duque de Caxias, porém, é ainda pior. O time fluminense é o único, entre os 40 clubes das Séries A e B, que ainda não venceu. Lanterna na Segundona, o Duque de Caxias tem aproveitamento pífio de 9,5%. Em 14 jogos são quatro empates e dez derrotas. O time soma apenas quatro pontos.

Não há pilha que acenda esta lanterna. A última vitória do Duque de Caxias ocorreu na Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca. No dia 10 de abril, pela sétima rodada, o Duque bateu o Resende, por 2 a 1, em casa. De lá para cá foram 11 derrotas e apenas quatro empates. São quase quatro meses sem triunfar. Neste jejum, o time do Rio de Janeiro marcou 13 gols e sofreu inacreditáveis 35 tentos.

Como todo clube em crise, o Duque de Caxias também trocou de treinador. A diretoria começou com Caco Espinosa, passou por Alfredo Sampaio até chegar na experiência de Valdir Espinosa. Neste domingo, porém, um dia após a derrota para o Goiás, em casa, por 3 a 2, Valdir Espinosa deixou o comando do clube fluminense. O próximo desafio do Duque de Caxias será contra o Bragantino, no interior paulista, nesta terça-feira, às 21 horas, pelas 15ª rodada da Série B.

*Atualizado às 12h41

Conheça o blog rbrito! Todos os dias temos posts diferentes, com números e muitas curiosidades! Participe! Opine aqui mesmo ou através do twitter (@rbrito1984)

Confira as séries negativas de América-MG e Duque de Caxias:

AMÉRICA-MG


Última vitória:
22/05 - 1ª rodada do Brasileirão
AMÉRICA-MG 2 x 1 Bahia

BRASILEIRÃO

Vasco 3 x 0 AMÉRICA-MG
AMÉRICA-MG 2 x 4 Internacional
Avaí 2 x 2 AMÉRICA-MG
AMÉRICA-MG 1 x 1 Cruzeiro
Santos 1 x 0 AMÉRICA-MG
AMÉRICA-MG 2 x 3 Flamengo
AMÉRICA-MG 1 x 1 Palmeiras
Atlético-MG 2 x 0 AMÉRICA-MG
Ceará 4 x 0 AMÉRICA-MG
AMÉRICA-MG 0 x 0 Figueirense
Grêmio 1 x 1 AMÉRICA-MG
AMÉRICA-MG 1 x 3 Coritiba

DUQUE DE CAXIAS

Última vitória:

10/04 - 7ª rodada da Taça Rio
DUQUE DE CAXIAS 2 x 1 Resende

TAÇA RIO

Boavista 3 x 0 DUQUE DE CAXIAS

SÉRIE B
Americana 1 x 1 DUQUE DE CAXIAS
DUQUE DE CAXIAS 1 x 2 Criciúma
Salgueiro 2 x 0 DUQUE DE CAXIAS
DUQUE DE CAXIAS 2 x 3 Vitória
Sport 1 x 1 DUQUE DE CAXIAS
DUQUE DE CAXIAS 0 x 2 Ponte Preta
São Caetano 4 x 2 DUQUE DE CAXIAS
DUQUE DE CAXIAS 0 x 0 Náutico
Paraná 3 x 1 DUQUE DE CAXIAS
DUQUE DE CAXIAS 2 x 3 Grêmio Barueri
ABC 3 x 0 DUQUE DE CAXIAS
DUQUE DE CAXIAS 1 x 1 Icasa
Guarani 4 x 0 DUQUE DE CAXIAS
DUQUE DE CAXIAS 2 x 3 Goiás



 Escrito por rbrito às 00h03 [] [envie esta mensagem] []






Mau Humor FC 75!

D-E-S-N-E-C-E-S-S-Á-R-I-O! Esta é a definição para a ‘mega produção’ do sonolento Sorteio de Grupos das Eliminatórias da Copa do Mundo 2014. Ou poderíamos dizer roubo? Afinal, nesta bobeira sem tamanho foram gastos R$ 30 milhões e a FIFA não arcou com nada. Aliás, o brasileiro, povo tão hospitaleiro, pagou tudo. Esta bufunfa foi paga pelo governo do Estado e a Prefeitura do Rio de Janeiro. Este é apenas um dos três assuntos que a seção Mau Humor FC vai abordar, neste domingo, no blog rbrito.

Mais no blog rbrito:
Atitudes esquisitas de jogadores e dirigentes tomam conta do Brasileirão 2011!


A irritação sobre esta bobeira imposta pela FIFA surgiu já durante a semana, nas incansáveis chamadas para o ‘pomposo’ evento. Na TV aberta, a transmissão foi realizada por Bandeirantes e Globo. Mesmo com todo o otimismo destas duas emissoras, o que não faltou foram gafes no evento deste sábado à tarde.

Para começar, a festa e vocês, telespectadores, eram tão importantes para a Band, que os gênios da emissora paulista cortaram a transmissão na metade para passar Série B do Campeonato Brasileiro. Um absurdo! Nada contra Ponte Preta e Portuguesa que vêm fazendo ótima campanha na competição, mas se a Band não iria passar por completo o ‘super evento’ da FIFA, que não transmitisse nada.

Desrespeito!
A Globo também pisou na bola. O dono da emissora, Galvão Bueno não gosta de ser coadjuvante. Como Fernanda Lima e Tadeu Schmidt foram os anfitriões, o narrador precisava roubar a cena de outro jeito. Logo, ele deu um chega pra lá na tradução simultânea e passou a narrar o evento. Junior e Casagrande foram os comentaristas.

Digo mais uma vez, o evento era tão importante, que a Globo, assim como a Band, deu um pontapé em seus telespectadores. A Globo não passou jogo, mas inventou uma matéria bem na hora do sorteio da Concacaf. Ou seja, pouco importa aqueles que estavam acompanhando o sorteio. Galvão foi além e disse que Jamaica x EUA seria um embate emocionante e equilibrado. Que mundo ele vive?

Piadista!
Voltando a Tadeu Schmidt, ele esqueceu que o evento era transmitido para todo o mundo. O jornalista da Globo achou que estava no Fantástico e fez diversas gracinhas sem graça. Aliás, ele teria sucesso no programa Zorra Total da emissora. Mas como diz o ditado, “tudo que vai, volta”... E Tadeu Schmidt teve o que mereceu.

Ao agradecer Ronaldo Fenômeno, ele foi responsável pela maior gafe do ‘super evento’. “Obrigado Romári... Ronaldo, desculpa”. Além do Fenômeno, quem não gostou da gafe foi #caiforaricardoteixeira. O mandatário da CBF está brigado com o Baixinho. Hoje deputado, Romário fez campanha para a instalação de uma CPI sobre Teixeira. Aliás, por tudo o que representou, Romário deveria estar no sorteio.

Mais gafes!

Enquanto isso, a apresentadora Fernanda Lima chamou Neymar de Nilmar. Já Zagallo, disse que o Brasil foi o único país a perder uma final em casa. O Homem do 13 esqueceu da Suécia, Seleção que ele mesmo derrotou como jogador em 1958.

Para finalizar este emocionante evento, as câmeras flagraram Julio Grondona, presidente da Federação Argentina de Futebol (AFA) e diretor executivo da FIFA, dormindo. Prato cheio para Galvão Bueno que logo emendou uma piadinha com o desempenho da Argentina na Copa América. Como se a Seleção Brasileira tivesse ido muito melhor que os rivais.

Marcha!

A marcha #caiforaricardoteixeira que ‘bombou’ nas redes sociais durante esta semana, ganhou as ruas, neste sábado, durante o Sorteio das Eliminatórias. A imprensa divulgou. Teve um site (que todos já sabem qual é), até deu uma notinha, mas preferiu desqualificar a marcha.

Mostrou outro lado e não o principal que era o pedido de saída de Ricardo Teixeira, presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Os brasileiros precisam entender que eles têm força e direito de protestar. Esqueçam as bobeiras da TV, como esta ‘super’ produção de um evento sem graça e foquem nos reais objetivos! #caiforaricardoteixeira!

Imprensa!

Vocês, torcedores-internautas, não acham incrível que, agora, todo jogo na TV é emocionante, bem disputado, lá e cá? Pelo menos, esta é a opinião de comentaristas e narradores da TV. É uma ‘babação de ovo’ sem tamanho. Elogio pra cá, elogio pra lá. Tem até elogio do comentarista para o narrador e vice-versa.

Que saudade do tempo do rádio! A TV está perdendo a mão. Não falo da imagem, mas do áudio e, lógico, de seus profissionais. Eles elogiam tanto os jogos, que nesta semana se deram mal ao não transmitirem a vitória do Flamengo, por 5 a 4, sobre o Santos. Assim, restou a eles os adjetivos os gols nos dias seguintes.

Deixe o mau humor falar por você neste domingo! Critique! Proteste! Opine aqui no blog rbrito ou através do twitter (@rbrito1984)



 Escrito por rbrito às 00h01 [] [envie esta mensagem] []






Faaala 34!

Inchada! Assim que chega a seção “Faaala”, no blog rbrito, neste sábado. A Edição 34 terá a polêmica voadora do goleiro Gustavo, do Sport, sobre Elivélton, do Vasco. Mas também vai mostrar como tem repórter desinformado no exterior. Pelo menos, este levou o troco de um técnico brasileiro.

Mais no blog rbrito:
Desculpas dos canarinhos e polêmicas nas Séries A e B do Brasileirão!


Sem falar que vamos revelar o jeitinho brasileiro tomando conta da FIFA, assim como jogador que não aguenta pressão e deveria mudar de profissão. Há também um jogador sem noção que foi com a cor do rival na apresentação de seu novo clube. Tudo isso é apenas o começo. Tem muito mais. É só aproveitar!

Ajude a fazer o blog rbrito! Mande sugestões de posts! Opine pelo próprio blog rbrito ou através do www.twitter.com/rbrito1984

Aprecie sem moderação as principais declarações da semana:

DEPLORÁVEL!

"Foi um ato covarde, numa disputa de jogadores jovens, e isso não pode acontecer. Estamos aqui para educá-los e mostrar uma postura profissional. Foi algo inconcebível, a atitude de um jovem. (...) É uma covardia que não tem nada a ver com futebol. O jogador estava distraído apartando a confusão, e o goleiro teve um ato covarde", Jair Bragança, coordenador do Vasco, repudiando a atitude do goleiro Gustavo que deu uma voadora em Elivélton, jogador do time carioca.

DECEPÇÃO!

"Quero pedir desculpas ao Vasco da Gama por uma atitude irresponsável do goleiro. Esse tipo de coisa não representa o Sport. Ele já foi afastado da delegação e também do clube. Jogador nenhum do Brasil e muito menos do Sport deveria fazer isso”, Gustavo Dubeux, presidente do Sport, em comunicado publicado no site oficial do clube ao demitir o goleiro Gustavo.

MUY AMIGO!
"No fim da minha passagem pelo Flamengo, soube que um treinador já estava negociando com o clube. Procurei saber se estava acontecendo alguma coisa e ele disse que não. Uma semana depois, ele estava acertado com o Flamengo. Ele disse que é meu amigo, mas eu não sou dele. Sou amigo dos meus amigos. Esse treinador é o Cuca. Não há união na classe de treinadores", Caio Junior, técnico do Botafogo, criticando e acusando Cuca, hoje desempregado.

VAI ESTUDAR!

“Sabemos muita coisa do Bayern de Munique, do Barcelona e do Milan, mas não do seu clube. O senhor poderia apresentar a sua equipe?”, pergunta de um jornalista do exterior ao técnico interino do Internacional, Osmar Loss, na coletiva de imprensa oficial do torneio amistoso de Munique.

NA MEDIDA!
“O Inter é reconhecido mundialmente, nos últimos cinco anos ganhou tudo que era possível, foi campeão duas vezes da Libertadores, principal torneio da América do Sul”, Osmar Loss, técnico do Internacional, que soube responder de forma educada e ainda calou a boca do repórter desinformado.

SE VIRA...
"Os outros que resolvam os seus problemas. Ninguém resolve os meus. Não temos nenhum tipo de acerto nem necessidade de solicitação de quem quer seja para fazer isso. É uma escolha nossa", Mano Menezes, técnico da Seleção Brasileira, e cansado do chororô de Muricy Ramalho e de outros santistas.

AMENIZOU...
"Quando eu falei aquilo (sobre pedir adiamento do jogo), só estava pensando em cuidar dos interesses do Santos. Não quis ser mal educado com ninguém. Isso não muda em nada o meu pensamento sobre o Mano. Ele está fazendo um bom trabalho e todos nós temos de apoiá-lo", Muricy Ramalho, técnico do Santos, tentando evitar polêmica com o companheiro Mano Menezes.

COMEÇOU MAL!

"Maradona", Cañete, meia argentino e reforço do São Paulo, respondendo sobre quem foi melhor: Pelé ou Maradona.

LÁ COMO CÁ!
"Foi estabelecido que a partir da temporada que vem, haverá um novo torneio, com a fusão entre a B Nacional e a Primeira Divisão. Ainda faltam alguns detalhes, mas é uma grande notícia", Ernesto Cherquis Bialo, porta-voz da AFA, dando outro nome a famosa virada de mesa, antes muito comum no Brasil.

ISSO É MARKETING?!
"Estou trazendo um moleque da seleção chinesa. É ruim de bola, o desgraça... (risos). Mas não faz mal. A chinesada vai saber que tem um chinês jogando no Brasil, vai pagar os tubos para passar o jogo na TV local e vai comprar camiseta do Corinthians com o nome do cara. Ling, Shing, Ling... Tenho que apelar, já que não ganhei a Libertadores", Luis Paulo Rosenberg, diretor de marketing do Corinthians, mas que deveria procurar outra profissão.

FEZ BEM!
"Troque de camiseta, aparecer com essa de cor branca não é oportuno", Sandro Rosell, presidente do Barcelona, dando o primeiro puxão de orelha ao sem noção atacante Sánchez, recém-contratado pelo Barça e que foi de branco (cor do rival Real Madrid) em sua apresentação.

JEITINHO BRASILEIRO!
"Para a Fifa este atraso não seria um problema. Podemos receber o estádio que sediará a abertura da Copa do Mundo em 2014. Mais do que isso, no entanto, não é possível. Deve ser entregue no máximo até fevereiro", Jérôme Valcke, secretário-geral da Fifa, mostrando que já se acostumou a nefasta malandragem brasileira

SERÁ SEMPRE ASSIM!

"Nós avisamos, alertamos. Eu gosto que jogue com a mesma seriedade, como se a gente fosse buscar o resultado. A gente alertou, estava como um jogador a mais, então cometemos alguns erros", Adilson Batista, técnico do São Paulo, que dará muita emoção ao torcedor tricolor.

PRÍNCIPE!
"Todo mundo no nosso time marcou, correu, mas o Ronaldinho acha espaço. Ele joga muito. Não é fácil marcá-lo pois ele acha espaço. O Ronaldinho Gaúcho desequilibra. Ele é gênio", Neymar, atacante do Santos, elogiando o rei Ronaldinho Gaúcho, pelo menos na vitória do Flamengo, por 5 a 4, sobre o Santos.

MUDA DE PROFISSÃO!
"Não posso generalizar porque alguns me aplaudiram. Tenho um respeito grande torcida, mas pelo que eles reflitam e possam me dar possibilidade de corrigir o meu erro. Não é fácil quando acontece esse tipo de coisa. Foi uma noite infeliz, mas sou um cara direto: se esse erro fazer com que as críticas persistam, eu prefiro ir embora pela história que tenho aqui", Elano, meia do Santos, que faltou com respeito com todos ao bater um pênalti daquele jeito e ainda quis cantar de galo.

GANCHO?

"Acho um absurdo total. Nem vou dizer o que acho, senão vou ser julgado também", Felipão, técnico do Palmeiras, sobre Kleber ser julgado pelo STJD por causa da confusão no jogo contra o Flamengo.

SÓ FALTAVA ESSA!
"Pude notar que o vento lateral é muito forte e isso pode atrapalhar o andamento do jogo e, principalmente, o nosso goleiro. Com o vento e o campo com as dimensões menores, a bola corre mais rápido e temos que redobrar a atenção na marcação, para não sermos enganado pela velocidade da bola", Flávio Araújo, técnico do America-RN, preocupado com o vento e com a desculpa na ponta da língua se alguma coisa der errado no Estádio Nazarenão, em Goianinha.



 Escrito por rbrito às 00h02 [] [envie esta mensagem] []






É do futebol...

Como gostam de dizer os “poetas” do futebol (dirigentes, técnicos e, principalmente, jogadores) ‘ganhar, perder e empatar é do jogo’. Como se a gente não soubesse disso, o blog rbrito contará, nesta sexta-feira, a história de alguns jogos que encerraram séries negativas ou positivas. Foram seis episódios nas Séries A e B do Campeonato Brasileiro, além da Copa Paulista.

No início da semana, o torcedor-internauta Victor Hugo, através do twitter @VlCTORHUGO, nos avisou: “@rbrito1984 Comercial está a um jogo do recorde de série invicta”. Brinquei com ele ao dizer que não prometeria nenhum post a respeito para não dar azar ao Bafo. Mas ao que tudo indica, o pessoal da Francana viu nossa conversa e complicou a vida do Comercial.

A vitória, por 2 a 1, do time de Franca, pela terceira rodada da Copa Paulista, evitou que o Comercial fizesse história. O time de Ribeirão Preto estava há quase seis meses sem perder. Neste período foram sete vitórias e nove empates. O último tropeço havia acontecido no dia 20 de fevereiro, quando o Rio Claro venceu, por 3 a 1, pela Série A2 Paulista.

Em toda a história centenária do Alvinegro, o clube já ficou 16 jogos sem perder em outras duas oportunidades. De acordo com o Jornal A Cidade, de Ribeirão Preto, em 1993, o Bafo conquistou oito vitórias e oito empates. Enquanto isso, na temporada passada, durante o acesso na Série A3, o time comercialino venceu dez jogos e empatou seis.

Outro Alvinegro...
Líder do Campeonato Brasileiro, o Corinthians também sentiu o gosto amargo da derrota. O Timão foi surpreendido pelo Cruzeiro no último domingo. Além de perder a invencibilidade de 19 jogos no Brasileirão (dez na atual temporada e nove em 2010), o Timão caiu em casa.

O Alvinegro de Parque São Jorge estava invicto diante de sua torcida, pelo Brasileirão, há oito jogos. Apesar do tropeço, o Corinthians se manteve na ponta, com 28 pontos, três a mais que o São Paulo, porém, com um jogo a menos que os rivais.

Pelo ralo!

O Criciúma também esteve em uma semana negra. O time catarinense foi derrotado pelo Paraná, por 2 a 1, pela Série B do Campeonato Brasileiro, e viu sua invencibilidade de 445 dias no Estádio Heriberto Hulse ruir.

A última derrota do Tigre, em casa, havia sido no dia 5 de maio do ano passado, quando foi superado pelo Brusque, por 3 a 1, pela Copa Santa Catarina. De lá para cá foram 19 vitórias e nove empates dentro do Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma.

Outro lado...

Mas nem só de sofrimento vive o futebol brasileiro. Outros clubes respiram aliviados. O Guarani estava na zona de rebaixamento, havia perdido o dérbi e não tinha vencido sob o comando do técnico Giba. Mas toda esta agonia acabou quando o Duque de Caxias, saco de pancadas na Série B, chegou ao Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

O Bugrão meteu 4 a 0 no clube fluminense e diminuiu um pouco seus problemas. Com o triunfo, o Guarani encerrou uma série de oito jogos sem triunfo. O time alviverde não vencia desde o dia 10 de junho, quando havia passado pelo Boa Esporte, por 2 a 0, no Brinco de Ouro. De lá para cá foram sete derrotas e um empate.

Alívio!
Ainda no mesmo tom esverdeado, o Palmeiras acabou com a preocupação de seu torcedor. A vitória apertada, por 1 a 0, sobre o Figueirense, em Santa Catarina, acabou com um jejum de 11 jogos do Verdão sem vitória fora de casa.

O último triunfo do Alviverde pela Série A havia acontecido no longínquo dia 25 de setembro, quando fez 3 a 1 no Flamengo, no Rio de Janeiro. O triunfo da última quarta-feira ajudou o Palmeiras a chegar aos 22 pontos, seis a menos que o líder e rival Corinthians. O Timão, porém, tem um jogo a menos.

Acabou!
O Atlético-PR precisou de 11 rodadas para vencer sua primeira partida no Campeonato Brasileiro 2011. Como mostrou o blog rbrito (Veja o post completo aqui!), o Furacão teve o pior início da história da Série A.

A vitória, por 2 a 1, sobre o Botafogo encerrou um jejum de dez jogos sem comemorações. Neste período foram dois empates e oito derrotas. Aliás, a pior campanha nos pontos corridos era justamente do próprio Atlético-PR.

Em 2005, o clube marcou três pontos nas dez primeiras rodadas. A vitória só aconteceu na 11ª rodada. Mas naquela oportunidade, o Furacão conseguiu se recuperar e terminou na sexta colocação.

Um ano depois, em 2006, o Santa Cruz também deu vexame. O time pernambucano somou os mesmos três pontos nas dez primeiras rodadas. Apenas na 11ª rodada o Santa Cruz conseguiu triunfar. Mas ao contrário do Atlético, o Tricolor pernambucano terminou o Brasileirão na lanterna e foi rebaixado.

Como vocês, torcedores-internautas, puderam perceber, os jogadores estão corretos em suas análises: “ganhar, perder e empatar faz parte do jogo”.

Mande sugestões de posts para o blog rbrito! Participe! Opine aqui ou através do www.twitter.com/rbrito1984



 Escrito por rbrito às 00h04 [] [envie esta mensagem] []






Xibom Bombom...

Em 1999, as rádios, a TV e o Brasil foram engolidos pela banda baiana “As Meninas”. Comandada por Carla Cristina, elas lançaram o hit “Xibom Bombom”. Aquela ‘música’ que impregnou a sua cabeça. Em determinado momento da ‘música’, as garotas cantam “É que o de cima sobe // E o de baixo desce...”. O blog rbrito deu toda esta volta, fez este nariz de cera (jargão jornalístico), para contar a história, desta semana, do ranking de público da Segundona do Campeonato Paulista. Os números são do torcedor-internauta Marcos Neves

Mais no blog rbrito:
Aos poucos, clubes entusiasmam seus torcedores na Segundona Paulista!


“As meninas” desapareceram. Aliás, será que elas ainda cantam? Melhor não desenterrar este tipo de coisa. Vamos falar de futebol – assunto que nos interessa. Nesta quinta-feira, o blog rbrito vai apresentar um time no alto da tabela que ganhou uma posição e um time na rabeira que diminuiu ainda mais a sua média. “É que o de cima sobe // E o de baixo desce...”.

O Américo Brasiliense é um fenômeno a ser estudado, assim como estas bandinhas de um hit só. O time está na penúltima colocação do Grupo 2, com apenas sete pontos, mesmo assim lota as arquibancadas. O Américo Brasiliense teve o melhor público da rodada - 1.800 pagantes. Com este apoio, o clube ultrapassou o Guaçuano e, agora, figura na vice-liderança, com média de 1.181 pagantes.

A Votuporanguense segue na ponta, com média de 1.308 pagantes. O Guaçuano, que caiu para o terceiro lugar, ostenta média de 1.164. Logo atrás, aparece o Barretos. O time da cidade do rodeio está em alta dentro das quatro linhas e nas arquibancadas. Líder do Grupo 2, com 25 pontos, o Barretos, com média de 880 pagantes, levou ao estádio, no final de semana, 911 pagantes.

Outro bom público da rodada foi do Fernandópolis (532). Quinto colocado no ranking, com média de 983 pagantes, o Fernandópolis segue a linha do Barretos e lidera o Grupo 1, com 19 pontos. O Tupã também se destacou e encheu as arquibancadas com 458 pagantes.

Mais pobre...

Mas também temos o outro lado da moeda, ou melhor, o outro lado desta cadeia hereditária para mantermos este post no ritmo Xibom Bombom. Na última atualização do ranking de público, o blog rbrito contou que o CAL Bariri havia assumido a lanterna.

Nesta semana, além do time ter conseguido o pior público da rodada (13), ainda diminuiu sua média. O CAL Bariri desceu de 32 pagantes para míseros 27 testemunhas. O Joseense, antigo último colocado, também tropeçou. Com público de 18 pagantes, o time caiu de 33 para 30 gatos pingados.

A rodada ainda viu públicos de 29 (Mauaense), 31 (Sumaré), 66 (Suzano), 70 (Cotia), 72 (Manthiqueira e Osasco) e por ai vai. No geral, em 239 jogos com a presença de público, a Segundona tem a modesta média de 279 pagantes e público total de 66.563.

Espero que vocês tenham gostado de mais este hit. Só espero que esta banda não desapareça e que continue a agradar o gosto de vocês, torcedores-internautas. Bom xibom, xibom, bombom!

Cadê?
O Brasilis disputou todos seus quatro jogos em casa sem a presença do torcedor. São Vicente, Atibaia e Guarujá realizaram três partidas com os portões fechados. Bandeirante e Tanabi duas, enquanto, Palmeirinha, CAL Bariri e Jaboticabal jogaram sem torcida apenas uma vez.

Os duelos entre São Judas x CAL Bariri e Palestra x Mauaense estão sem o borderô da partida. Já o borderô do embate entre Manthiqueira x Guarulhos foi retirado do site da FPF. Antes, a entidade havia divulgado que o público desta partida tinha sido de 96 pagantes.

O blog rbrito entrou em contato com a Federação Paulista de Futebol (FPF) para ter uma posição sobre a ausência dos borderôs de São Judas Tadeu, Palestra e Manthiqueira. Estamos no aguardo. Qualquer novidade, o blog rbrito informará vocês, torcedores-internautas.

Ajude a divulgar a média de público e o blog rbrito! Participe! Opine pelo próprio blog rbrito ou através do twitter (@rbrito1984)




 Escrito por rbrito às 00h03 [] [envie esta mensagem] []






Tava na cara!

A torcida do Santa Cruz fez o que todos esperavam e lotou, mais uma vez, as arquibancadas do Estádio Arruda, em Recife. Mas como sempre, o Tricolor decepcionou e apenas empatou na segunda rodada da Série D do Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, o Santa Cruz assumiu a liderança do ranking de público pagante das Séries A, B, C e D do Campeonato Brasileiro. Neste levantamento, o blog rbrito contou com a colaboração do torcedor-internauta Marcos Neves.

Mais no blog rbrito:
As médias de público das quatro divisões nacionais divididas por séries!


Em seu primeiro jogo como mandante, o Santa Cruz recebeu o apoio de 37.272 pagantes e superou com folga Bahia e Corinthians. Aliás, o Tricolor baiano, antigo líder no ranking geral, deixou o Corinthians se aproximar perigosamente. Na ponta do ranking da Série A, o Bahia tem média de 27.502 pagantes.

O Timão, por sua vez, levou 34.462 pagantes no duelo contra o Cruzeiro e, agora, tem média de 27.320. O clube paulista é o terceiro colocado, enquanto o Coritiba assumiu a quarta colocação. O Coxa, com média de 16.282 pagantes, ultrapassou o Flamengo.

Mas não foi apenas o time paranaense que superou o Rubro-negro carioca. Para se ter uma ideia, o Sport, líder no ranking da Série B, também deixou para trás o rival Flamengo. O Leão da Ilha está na quinta posição, com média de 16.197 pagantes. O Sport é um dos três clubes a apresentar público total acima de 100 mil pagantes. Neste quesito, o Corinthians lidera com 163.920 pagantes, contra 137.511 do Bahia e 113.377 do Sport.

E não pense que o Flamengo está na sexta colocação. O time carioca também perdeu posição para o Palmeiras. Enquanto o Verdão apresenta média de 15.994 pagantes, o time de Vanderlei Luxemburgo, no modesto sétimo lugar, tem 15.294. Grêmio, Atlético-PR e São Paulo completam o Top 10.

Pra animar!
Neste ranking misturado, alguns clubes chamaram a atenção do blog rbrito. O lanterna Atlético-PR, por exemplo, conseguiu sua primeira vitória no final de semana passada. Mesmo assim, o Furacão ocupa o nono lugar, com média de 13.805 pagantes. Esta é a prova da paixão rubro-negra.

O Alecrim-RN também merece destaque. Mesmo na Série D, o time potiguar tem a 11ª melhor média de público (13.126). Outro time que fez bonito foi o Itumbiara-GO - média de 10.081 pagantes. Já o Paysandu não é nenhuma surpresa. O Papão assumiu a liderança no ranking da Série C. Com média de 12.181 pagantes, o time paraense está no 15º lugar no geral.

Comendo poeira!
O pior clube da Série A ainda é o América-MG. Com média modesta de 3.188 pagantes, o Coelho aparece na 45ª posição. Algumas posições abaixo está o Duque de Caxias, pior clube da Série B. O time nômade, no 80º lugar, tem média de 328 pagantes.

A lanterna da Série C também é segurada por um time do Rio de Janeiro. O Madureira ocupa o 77º lugar, com média de 387 pagantes. Como Oeste e Sampaio Corrêa ainda não tiveram suas médias divulgadas pela CBF, a última colocação da Série D e no geral é do CENE-MS. Campeão Estadual, o CENE tem média de apenas 162 pagantes.

Na geral!

Em 276 jogos com a presença de público, as Séries A, B, C e D têm média de 7.670 pagantes e público total na casa de 2.117.020. A Série A apresenta média de 12.220 pagantes em 108 jogos. O público total é de 1.319.748.

Em 120 jogos, a Série B contabiliza média de 5.353 pagantes e total de 642.319. A Série C melhorou seus números e conseguiu ultrapassar a Série D. Em 16 jogos, a Terceirona ostenta média de 3.970 pagantes, contra 2.857. No total, a Série D, com 32 jogos, soma 91.426 pagantes, enquanto a Série C tem 63.527.

Só pagantes!

Os clubes do Rio de Janeiro, Pernambuco e Alagoas colocam os não pagantes nos borderôs e acabam levando vantagem no ranking das médias. O blog rbrito recusou esta artimanha e divulga apenas o público pagante.

Enquanto isso, o Ceará tem uma cota chamada de “cortesia”, pasmem, para os militares e autoridades. Estes ingressos, como NÃO foram pagos, ficaram de fora das estatísticas do blog rbrito. O mesmo acontece com o América-MG e sua distribuição de entradas para alguns setores.

Já nos borderôs da Ponte Preta há um item especificado como "VENDA PROIBIDA". São ingressos distribuídos pela diretoria a amigos, autoridades, clientes, "bicões". Estas entradas estão na soma de ingressos vendidos na CBF, mas não no ranking do blog rbrito.

Legenda!

Neste ranking, os clubes da Série A estão representados pela cor amarela, enquanto que a cor cinza sinaliza os clubes da Série B. A Série C está em laranja e a Série D em azul claro. Já os números em vermelho ainda não foram confirmados pela CBF. O clássico entre Santos e Corinthians, pela quinta rodada, será realizado apenas no dia 10 de agosto.

Com o estádio interditado, o Oeste jogou sua primeira partida como mandante na cidade de Catanduva. Mas a pedido da Polícia Militar, que não tinha contingente para dar segurança ao jogo, o duelo foi disputado com os portões fechados.

Está satisfeito com a média de público do seu clube? Participe! Opine pelo blog rbrito ou através do twitter (@rbrito1984)



 Escrito por rbrito às 00h04 [] [envie esta mensagem] []






Lenha na Locomotiva!

O torcedor brasileiro não é respeitado pelos dirigentes, jogadores, treinadores e imprensa. Ao invés de virar as costas para o esporte chamado futebol, muitos optam por outro caminho e demonstram ainda mais sua paixão pelo clube. Ingresso caro? Cambista? Sol? Chuva? Falta de banheiro? Estádios precários? Nada disso importa para muitos torcedores brasileiros, principalmente aqueles esquecidos pela grande mídia.

Mais no blog rbrito:
Time da Série B pode ser patrocinado pelos torcedores!


Falo, neste post, dos torcedores de clubes do interior pelos quatro cantos do país. Os verdadeiros heróis do futebol. Aqueles que sabem que o amor ao clube é maior do que qualquer título conquistado. Mesmo maltratado, ele não desiste. Sem falar que nos últimos anos ainda surgiu o torcedor-dirigente. Esqueçam a figura do mau dirigente que só pensa em benefícios próprios.

Estamos falando do torcedor que utiliza sua paixão pelo bem próprio do clube, da instituição. Todos nós sabemos que os torcedores só são lembrados nas dificuldades, na hora do aperto. Mas desta vez eles resolveram agir primeiro. A iniciativa contada pelo blog rbrito, nesta terça-feira, é da torcida da Ferroviária, time da cidade de Araraquara, interior de São Paulo.

Com seu manto grená, a Ferrinha, como é conhecida carinhosamente por sua torcida, disputou pela primeira vez a elite do Paulistão em 1956. Mas desde 1996, a Ferroviária não joga contra os grandes do Estado. São 39 participações na Série A1, mas muita tristeza nos últimos anos. Atualmente, o clube encontra-se na Série A2, mas ganhou o apoio de sua fanática torcida.



Volta por cima!

Nos últimos dias, os torcedores lançaram e apresentaram para dirigentes do clube, políticos da cidade, imprensa e outros torcedores o Business Plan da Ferroviária. "O movimento foi organizado por torcedores. De modo geral sempre nos posicionamos sofre os fatos que acontecem no comando grená em nossas comunidades e sites na internet. Desta feita queríamos ir mais longe, sermos mais próximos, participativos e contribuir com a direção grená com novas ideias e sugestões visando objetivos maiores para o clube, principalmente a volta a Série A1 (hoje estamos na A2). Os trabalhos também buscam, de forma organizada e pacifica, estabelecer uma união de forças (imprensa, torcedores, empresários, políticos e dirigentes) em prol de um objetivo comum, a Ferroviária e como reflexo disso propiciar melhorias para toda comunidade araraquarense", contou ao blog rbrito o torcedor e um dos idealizadores do projeto Ricardo F. Gomes.

E não pense que os planos são modestos. Apesar de a iniciativa estar no começo, a trupe grená sonha alto. "O plano de negócios visa melhorar o modelo de gestão e criar um plano de marketing para o clube contemplando: geração de receita, valorização da marca, modelo de gestão, departamento de futebol e patrocinadores".

Ainda de acordo com Ricardo Gomes, os objetivos visam:
- Obter lucro para investimentos na formação da equipe principal em R$ 250.000,00 mensais (valores estimados para ter um time competitivo para buscar o acesso a Série A1 do Campeonato Paulista);
- Maximizar a presença de público visando 5.000 pagantes de média na Série A2 em 2012;
- Recuperar/revitalizar a marca Ferroviária;
- Reestruturar a Ferroviária no uso das mais modernas práticas de gestão esportiva;
- Criar estrutura organizacional sólida de marketing, comunicação e vendas;
- Fomentar e implantar novas ideias;
- Ter uma torcida próxima, parceira e atuante.

Em relação ao público, vocês, torcedores-internautas do blog rbrito, acompanharam aqui a média rodada a rodada da Ferroviária na Série A2 (Veja o post completo aqui!). Sem o acesso, a Locomotiva terminou na modesta oitava posição, com média de 910 pagantes. O público total foi de apenas 8.186 em nove jogos como mandante. Para se ter uma ideia, o XV de Piracicaba, líder no quesito, teve média de 6.465. Mas o Nhô Quim é tradicional no Estado de São Paulo. O pior foi ficar atrás do Monte Azul, que ostentou média de 980 pagantes.

Mas o torcedor Ricardo é coerente e sabe das principais mazelas do futebol no interior. Ele aborda diversos problemas, muitos que a gente já cansou de debater aqui.

"Olhando o interior paulista vejo que as dificuldades financeiras são grandes, pois as competições no país são deficitárias. A luz no fim do túnel para os clubes pequenos só aparece para quem está na A1 no caso dos times Paulistas ou nas Séries B ou A do Brasileiro. Nas demais, paga-se para jogar com a pouca visibilidade e baixo público. Com seus pequenos clubes se deteriorando a cada dia e com a concentração de mídia apenas nos times grandes são raros os casos de sucesso, de formação de um celeiro de talentos, fora dos grandes expoentes estaduais”, diz ele que aponta os culpados.

“A meu ver essa centralização de poderes é danosa e motivada pela forma de gestão da CBF e das federações. Elas deveriam trabalhar de forma imparcial e com igualdade de condições, mas hoje vejo exatamente o contrário, fortalecendo e privilegiando os mais fortes. Quando a federação está cada vez mais rica e a grande maioria de seus clubes filiados cada vez mais pobres, algo está errado. Situação que, no curto prazo, acho difícil de reverter pelas fortes e poderosas alianças políticas e de interesse que administram o futebol brasileiro atual”.

“Isso também reflete no futebol dentro de campo, muito badalado pela força da mídia. Converte o jogador a um status idolatrado sem ao menos conquistar um título expressivo ao país. O marketing em torno dos atletas e de interesse de seus patrocinadores com o conluio da CBF é mais forte do que realmente o futebol que esses têm apresentado”, finaliza Ricardo Gomes ao blog rbrito.

Mais informações sobre a ótima iniciativa grená, você encontrará nos seguintes endereços:

Blog AFEgol: http://afegol.blogspot.com/
Twitter: http://twitter.com/afegol
Facebook: http://www.facebook.com/afegol


E você, caro torcedor-internauta, aprova estas ações de marketing? Você ajudaria seu clube? Participe! Opine pelo blog rbrito ou através do www.twitter.com/rbrito1984



 Escrito por rbrito às 12h33 [] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 





BRASIL, Sudeste, SAO PAULO, Homem, de 26 a 35 anos, Portuguese, Esportes, Livros, música
Outro -





 
 




TWITTER rbrito
Giro da Bola
Meu Time de Botão
É Pênalti
Futebol Interiorano
Vozeria
Only Esportes
TopBlog - VOTE AQUI
 
 

Dê uma nota para meu blog